Seis erros nas redes sociais que prejudicam a busca por estágio
Seis erros nas redes sociais que prejudicam a busca por estágio
 
Você reclama demais nas redes sociais? Cuidado para não prejudicar sua imagem!
 
A maioria dos alunos que iniciam o Ensino Superior possui o sonho de realizar um estágio em uma grande empresa ou órgão público para vivenciar experiências profissionais indispensáveis no desenvolvimento de uma carreira. Além do caráter educativo, a experiência prática eleva as chances dos estudantes conquistarem oportunidades de emprego na área de atuação, após a conclusão do curso de graduação. No entanto, se o estudante está procurando estágio, vale ficar atento a algumas regrinhas básicas sobre o uso das redes sociais.
 
De acordo com a psicóloga e caça-talentos do Quero Bolsa, Nairana Leal, assim como os candidatos costumam pesquisar sobre a empresa antes da entrevista de emprego, atualmente muitos recrutadores, quando organizam um processo seletivo, analisam e monitoram a atuação dos estudantes no Facebook, Instagram e LinkedIn para realizar uma avaliação mais precisa e criteriosa do perfil da pessoa que irão contratar. “Nesse caso, alguns erros podem custar a tão sonhada vaga”, alerta.
 
Para auxiliar os jovens nessa importante etapa da vida, a profissional elencou seis dicas valiosas de postagens comuns que não devem ser feitas nas redes sociais. Confira a seguir:
 
1. Reclamações
 
Se você é daqueles que gosta de reclamar da vida nas redes sociais, a sugestão é interromper imediatamente essa postura. Além de passar uma imagem muito negativa aos recrutadores, lembre-se de que ninguém gosta de trabalhar perto de pessoas que estão constantemente mal-humoradas e colocando todo mundo para baixo. Você já deve ter ouvido falar por aí que habilidades técnicas são mais fáceis de serem desenvolvidas do que mudar o aspecto comportamental, certo?
 
2. Críticas ao antigo trabalho ou chefe
 
Sabe aquela frase que diz que falar mal dos outros expressa mais sobre você do que das pessoas em si? Então, esse erro nas redes sociais também pode queimar seu filme com os recrutadores, principalmente aquelas postagens envolvendo experiências em estágios anteriores e antigos chefes. A falta de lealdade e ética pode ficar muito evidente com esse tipo de atitude.
 
3. Imagens inapropriadas
 
Muita gente ignora essa orientação e continua postando fotos com conotação sexual implícita ou aquela festa do fim de semana com os amigos em que não se está nos melhores dias. A sugestão é velha, mas vale lembrá-la: guarde essas recordações apenas para você.
 
4. Comentários ou postagens extremistas
 
Posicionamentos políticos e religiosos extremistas geram discussões intermináveis nas redes sociais e mostram a sua opinião para o mundo. É preciso ter em mente que esse tipo de atitude geralmente não é bem-vista por recrutadores.
 
5. Fotos de perfil questionáveis
 
Escolhas equivocadas de sua foto de perfil também podem prejudicar a sua imagem, por isso, tome cuidado. Lembre-se de que é um resumo do que você é. Atenção principalmente com a foto de perfil do LinkedIn, rede profissional que pode ajudar você ainda mais na conquista de uma vaga.
 
6. Mentir sobre si próprio
 
Se fizer propaganda de algo que sabe fazer, tenha consciência de que isso pode ser verificado e cobrado posteriormente. Se disser em algum momento que gosta de ler, não poste algo dizendo que odeia textão e que prefere assistir ao filme primeiro a ler o livro, por exemplo.
 
 
 
Fonte: Administradores.com - 12/09/2017
voltar